Diário de um poeta
poemas e textos sobre tudo e nada

Ter, 31 Out 2006

Morning Prayer

Today is the day when I'm happy
I'll look around
And find beauty in everythin I see
For beauty is in the eye of the beholder

I'll smell the world
And let it become a part of me

I'll hear the noises and the sounds around me
And I'll learn to distinguish them
And to hear the world's voice

I'll smile
For those things that make me happy
To allow for me to support others
And to help those who lost the ability to smile

I'll listen
For people need to speak
And be heard
Not just their words
But their ways and memories

I'll talk
To guide
To teach
To praise
And for nothing else
For nothing else is worth it

I'll touch
To learn
To feel
To explore

I'll be merry and happy when I can
I'll be sad for the time I forget to be me
Or to empathize with others

I'll be mad
When madness is the only reasonable response

I'll be an example
To the life I wish I had

I'll help
For anything else is useless

Life is mine to do what I wish
Love is the way I want and choose

31/10/2006 - 00h10

[00:10] | 0 comentário(s)

Sáb, 28 Out 2006

Dói

E com uma noite já passada
E uma mensagem mal sentida
Finalmente atinge meu ser
O coração que se desfez
E me dou conta da sua dor

E pela rachas dele partido
Escorrem lágrimas que conspiro
Para não deixar fluir
E em palavras me escondo
Em sentimentos repisados
Para não me deixar ir

E ao refúgio dos sentidos
Ignorando uma vida
Sinto a saudade perdida
De amores nunca entendidos
E muito menos esclarecidos

E na falta dos pequenos gestos
Do combate à solidão
Sinto encherem-se os olhos
De quentes e doces lágrimas
Vertidas de um coração

Se valeu a pena amar?
Nada pode dizer que não.
O sentir que sinto a falta
Merece o custo da alta
Paga que pede por si.

E escondendo-me de mim mesmo
Passo pelos dias a correr
Entre enlevos e segredos
Coragens fracas e medos
Espero um dia perceber
Que raio faço aqui.

28/10/2006 - 00h04

[00:04] | 0 comentário(s)

Novembro 1998 >
DoSeTeQuQuSe
1 2 3 4 5 6 7
8 91011121314
15161718192021
22232425262728
2930     

Sobre
João Miguel Neves
Poeta e escritor
de tempos a tempos

Arquivos
2014-Nov
2008-Jun
2008-Mai
2008-Jan
2007-Dez
2007-Nov
2007-Out
2007-Set
2007-Mai
2007-Jan
2006-Out
2006-Jun
2006-Mai
2006-Jan
2005-Ago
2005-Jul
2005-Jun
2005-Abr
2005-Mar
2005-Fev
2005-Jan
2004-Dez
2004-Nov
2004-Out
2004-Set
2004-Ago
2004-Jul
2004-Jun
2003-Out
2003-Jun
1999-Nov
1999-Jun
1998-Nov